E Tu...

http://vamps.blogs.sapo.pt/arquivo/Para%20Sempre,%20Contigo.JPG

 

E Tu…

 

Tu poderias ser

A minha verdade irrefutável,

O momento melhor do sonho

O descanso da vigília cansada.

Tu poderias ser

O prolongamento da minha vida,

A extensão da minha presença

A expansão do meu pensamento.

Tu poderias ser

O meu mundo inalienável,

Puzzle de peças que componho,

A Via láctea envernizada!

Tu poderias ser

A minha escolha de lida,

Sorriso aceso no luto da doença!

A preguiça saborosamente lenta…

 

Tu poderias ter sido

A raiz de todas as minhas verdades

O sonho nunca acordado.

Um acaso sempre servido,

A tempo de todas as idades,

Em manjar a dois, pelo amor temperado…

 

Tu poderás ser

O tanto que já és para mim: O Tu do remanescente…

 

Andarilhus “(º0º)”

XXIII : V : MMVIII

 

 

música: MUSE: Unintended
publicado por ANDARILHUS às 17:15