Querer (as estrelas)

mariposa_encadenada.jpg

http://3.bp.blogspot.com/-b8wxmDBlgYA/TqBpYf21i0I/AAAAAAAAANk/xNWyBtJBMX0/s400/mariposa_encadenada.jpg

 

Queria não te querer

Como tanto te quero

Neste querer

Que a mim nada me quer.

E, na verdade,

É como que sem querer

Que gosto de ti,

Porque tanto querer

Me afunda em tristezas

E muito sofrer.

… Mas é mais forte do que eu,

Do que o meu próprio querer…

Amo-te

Assim dizer te quero,

Pois

Para mim és bem-querer,

És toda a minha vida,

Tão querida.

 

Porque não te deixas querer

Da mesma forma desvelada?

E assim querendo

Em igual querer

Deixaríamos de padecer,

Deixaríamos a gesta cansada,

Para nos encantarmos

Num permanente real-querer.

 

Porque não soltas o querer

Que sei manteres aprisionado?

E assim liberto, como o quero,

Acarinhava-o com o coração

Transbordante de querer,

Como está,

Sentinela, a aguardar

O teu despertar

Para o maior dos quereres.

 

Não consigo deixar de tanto te querer…

 

Andarilhus

X : IX : MMXV

 

 

 

publicado por ANDARILHUS às 07:53